Quer mudar? Série “O Novo Líder” (6)

No comments

Como desenvolver novas competências, hábitos, comportamentos? Esse é o tema de hoje na série “O Novo Líder”.

E vou falar sobre isso porque quem está acompanhando até aqui, viu que abordamos temas como: competências necessárias na liderança, mudança de mentalidade, legado, gerenciamento emocional, como dar feedbacks…São muitos conteúdos e aspectos importantes que o novo líder precisa trabalhar. E, nesse caminho, você que já saiu do piloto automático e quer realizar mudanças, pode se perguntar: como fazer isso? Por isso, trago alguns passos que você pode trabalhar para avançar.

Primeiro, você já deu um importante passo! Que é sair do piloto automático e perceber que quer mudar algo em você. Se perceber e assumir verdades não é nada simples. E é um ponto de partida fundamental para o que virá a seguir.

Um passo seguinte é aprofundar na questão e definir que aspecto específico quer desenvolver nesse tema maior que definiu. Descreva os novos comportamentos de forma clara! Para facilitar, você pode responder a seguinte pergunta: como você quer agir daqui para frente? Defina bem o estado desejado.

Depois disso, pare para refletir: qual é o real motivo da mudança? Qual é o propósito? Para que você vai mudar?

Toda mudança exige esforço, dedicação… Por isso, é preciso ter um motivo forte que o ajudará na persistência e disciplina durante o processo da mudança. Lembre-se do motivo, sempre!

Até aqui os passos foram voltados ao autoconhecimento e olhar para dentro de si. Agora, entra um passo que é olhar para o exterior e buscar referências, modelos, conteúdos, conhecimentos no assunto que você vai desenvolver.

Encontre os melhores, aqueles que fazem sentido para você. Você pode conhecer histórias de pessoas que conseguiram mudar o que quer mudar, conhecer conteúdos científicos / acadêmicos, melhores práticas…O conhecimento te levará além. Busque isso.

Por fim, defina ações realizáveis, ou seja, pequenas ações a inserir em sua rotina. Uma pergunta para te ajudar: quais são as ações diárias e semanais que te levarão à mudança maior que quer alcançar? Tenha clareza, verbalize e anote.

E, por fim, mantenha sempre o foco. Que é aquilo que todo mundo sabe! A nossa atenção determina o quanto vamos desenvolver algo. Foco, concentração e consistência para fazer as ações em direção àquilo que queremos mudar. Esse é o ponto chave da continuidade.

Vale lembrar: tem mudanças que conseguimos fazer sozinhos com esses passos, mas tem mudanças que é preciso buscar um suporte profissional.

Aliás, sempre que puder, busque um mentor, faça cursos, tenha um coach (sou suspeita para falar, claro, mas participamos todos os dias dos processos de mudanças das pessoas e todo o método é voltado para facilitar mudanças).

Sozinhos podemos conseguir algumas mudanças, mas com determinados profissionais, podemos chegar mais rápido e potencializar nosso desenvolvimento. Falo isso como profissional da área, mas também pela minha experiência ao passar por processos de coaching, de terapia, mentoria…Foram e são fundamentais para meu crescimento!

Para alcançar uma mudança você precisa dar alguns passos. Comece hoje! Conte conosco se quiser conhecer como funciona esse acompanhamento com um profissional!

Patrícia SchuindtQuer mudar? Série “O Novo Líder” (6)
Ler mais

Quem é você, na versão atualizada?

No comments
Quem é você? Essa é uma das perguntas mais poderosas que conheço…E “quem é você, na versão atualizada”, é uma provocação de pensamento, pois no movimento, em direção aos nossos propósitos, nos modificamos, crescemos, nos desenvolvemos…Logo, quem eu era há 10 anos, é diferente de quem sou hoje. Existe, sim, uma essência, uma invariabilidade dos seres, mas, como humanos, somos Ato e Potência – somos quem somos hoje, mas existe em nós muito potencial, que poderá vir a realizar-se no futuro.
“A mudança dos seres, não contraria o princípio da identidade, já que representa apenas a atualização da potência nela contidas”. Aristóteles.
Um exemplo: quando vemos uma semente de girassol, estamos vendo ato e potência. É ato, pois tem uma existência real, é um fato realizado e concreto. Mas, além de ser uma semente como ato, ela também é potência, tem um vir-a-ser, tem suas possibilidades, seu potencial para tornar um girassol, se oferecidas todas as condições para florescer. Assim somos nós – hoje somos ato e potência. Temos muito potencial a ser atualizado. Muitas possibilidades, transformações.
 
O que você pensa sobre isso? Essa reflexão me traz os seguintes pensamentos:
 
* Tudo tem seu tempo – as transformações são um processo.
* Todos temos potenciais que precisam ser muito bem cuidados para “florescer” e para isso, um primeiro passo é acreditar no potencial “da semente”.
* Transformar crenças é fundamental, pois crenças limitantes podem nos atrapalhar e impedir de arriscar a fazer algo e ir além, limitando o potencial.
* Acreditar no potencial traz segurança e uma atitude de olhar para nós e para os outros como em constante mudança e como pessoas que são capazes de ser mais do que se pode ver hoje…
Tudo isso traz um enorme sentido à minha atuação – vontade de contribuir com o “florescimento” de outras pessoas, esperança pelo que virá a ser e gratidão por tudo que já “floresceu”.
 
 
 
Patrícia SchuindtQuem é você, na versão atualizada?
Ler mais

Saia do Piloto Automático e Transforme seu futuro.

No comments

Entenda o impacto de seu Modelo Mental e de suas Crenças no Futuro que você quer construir. Quais são seus pensamentos sobre si mesmo, sobre seus Relacionamentos, sobre sua Carreira, seus Sonhos e objetivos? Seja um observador de si mesmo e transforme sua mente para alcançar o que é importante pra você

Patrícia SchuindtSaia do Piloto Automático e Transforme seu futuro.
Ler mais

Como obter mudanças – Neurociência e Coaching.

No comments

“Não consigo agir diferente”/”Nasci assim, não vou mudar”/”Não nasci com essa habilidade”/”Essa é minha natureza”.

Esses são pensamentos de que nosso cérebro/ou nós, somos imutáveis, inalteráveis. São pensamentos retrógrados e conceitos de cientistas de antigamente.

As descobertas atuais da neurociência indicam que temos a capacidade de desenvolver novos hábitos e comportamentos, a partir da atenção direcionada, repetição e prática.

Novos pensamentos e novas habilidades “cavam” novos caminhos no cérebro.

É simplesmente incrível – mesmo na idade adulta, temos a possibilidade de mudar a estrutura e função do cérebro – temos Neuroplasticidade cerebral. Ou seja, segundo o texto, nosso cérebro, na verdade, é como plástico. É possível mudar crenças, pensamentos, emoções. “Você é o Arquiteto do seu cérebro. Você tem o poder de agir contra impulsos perigosos”.Veja o infográfico no Link abaixo (é em inglês).

Se você achava que não conseguia mudar ou crescer, atualize seus conhecimentos e busque agir diferente. Fácil e simples, talvez não seja. Requer esforço e um desejo muito grande de mudança. Mas, temos a informação, basta por à prova de uma forma coerente e atitude de determinação.

Faça Coaching para desenvolver suas habilidades – através do processo, você focará sua atenção, refletirá e criará meios práticos para avançar.

Escreva para nós: contato@r122coaching.com.br

‪#‎mudança‬ ‪#‎neuroplasticidade‬ ‪#‎coachingdehabilidades‬‪#‎autoconhecimento‬ ‪#‎neurociência‬

Veja o texto base para a reflexão (de onde veio a imagem do post também e o infográfico citado): http://bigthink.com/ideafeed/this-nifty-infographic-is-a-great-introduction-to-neuroplasticity?utm_campaign=Echobox&utm_content=26169506&utm_medium=social&utm_source=facebook#link_time=1459351435

Patrícia SchuindtComo obter mudanças – Neurociência e Coaching.
Ler mais

Qual a sua mentalidade diante de objetivos, mudanças e desenvolvimento?

No comments

Diante de um objetivo, de uma mudança desejada ou do desenvolvimento de uma habilidade. Qual é a diferença entre:
Mentalidade 1: – “Vou fazer pra ver se consigo.”
e
Mentalidade 2: – “Vou fazer até conseguir.”
?
Que tipos de comportamentos e atitudes decorrem de cada tipo de mentalidade? O que há de positivo e o que há de negativo nisso?
‪#‎mentalidade‬ ‪#‎autoconhecimento‬ ‪#‎mudanças‬ ‪#‎objetivos‬

Patrícia SchuindtQual a sua mentalidade diante de objetivos, mudanças e desenvolvimento?
Ler mais

Diálogo interno para alcançar objetivos, sonhos, mudanças.

No comments

Com qual dos dois cérebros da imagem você mais se identifica? Pense em um objetivo, sonho ou mudança que quer atingir – o que você pensa e sente, de verdade?

Faça o exercício e seja sincero consigo mesmo – esses pensamentos e sentimentos, te ajudam ou te atrapalham?

A nossa forma de enxergar, ou seja, o nosso Modelo Mental, impacta nossas ações e a disposição para fazer algo.

Ter consciência sobre a própria mentalidade é um grande passo. Esse autoconhecimento é um processo e pode trazer grandes insights e transformações.

Vejo muitas histórias de pessoas que acreditavam que poderiam alcançar algo importante para elas e mesmo diante de tantas dificuldades e barreiras, conseguiram. Por mais que em determinados momentos fosse mais difícil, persistiram, gerenciaram emoções, buscaram ajuda e mantiveram-se esforçando, com foco no que queriam alcançar.

Por outro lado, muitas pessoas travam no momento em que veem as barreiras. Pessoas com capacidades subutilizadas, por não enfrentarem com coragem seus medos, desânimo, situações adversas ou a ansiedade gerada por um pensamento imediatista em excesso. É comum também encontrar pessoas que não gerenciaram situações de frustração passada ou que têm uma mentalidade muito negativa a respeito das situações ou de si mesmas. E às vezes, nem percebem esse padrão.

Deixo aqui a reflexão: qual é a sua mentalidade?

Patrícia SchuindtDiálogo interno para alcançar objetivos, sonhos, mudanças.
Ler mais

Por que é tão importante parar para refletir?

No comments

Parar para refletir é algo de extremo valor, mas é uma atitude amplamente negligenciada.

Para ter melhores resultados, relacionamentos e bem-estar, é preciso colocar voluntariamente sua atenção em assuntos importantes para você. Questionar-se quanto a forma de pensar e agir. Ter uma mentalidade de crescimento.

Sem reflexão, pode ser que você esteja em ciclos destrutivos, agindo repetidamente da mesma forma e se prejudicando.

O que será que precisa mudar em você?

Quando refletimos, saímos do piloto automático e fazemos escolhas sobre como agir.

É muito comum encontrar pessoas que sentem-se insatisfeitas em seus relacionamentos, no trabalho, na vida em geral e que ao refletirem, percebem ciclos destrutivos e crenças limitantes, que ao serem quebrados e transformados, abrem espaço a uma nova forma de agir e a novas alternativa, que antes não eram vistas.

Questione-se. Busque conhecimento. Observe seus comportamentos e emoções. Esse é um processo valioso para encontrar melhores formas de viver.

 

Patrícia SchuindtPor que é tão importante parar para refletir?
Ler mais

Muitas pessoas não alcançam as mudanças desejadas porque…

No comments

Muitas pessoas não alcançam as mudanças desejadas porque ficam presas ao imediatismo e ao “fracasso” das primeiras tentativas.

Essa semana tive notícias de grandes conquistas de pessoas e uma coisa é certa – foi preciso:

– foco nos objetivos
– esforço
– persistência
– mudanças de pensamentos
– ajustes de planos
– dar tempo para o processo da mudança.

Existe algo que você precisa colocar em prática desses pontos?

O que destaco hoje é esse aspecto do tempo para as coisas acontecerem (ou para fazer as coisas acontecerem) e aí pra mim uma boa reflexão é essa frase: “Não tenha pressa, mas não perca tempo”. José Saramago

E pra você, muda algo se pensar com essa base?

Patrícia SchuindtMuitas pessoas não alcançam as mudanças desejadas porque…
Ler mais

Por que procurar um Coach?

No comments

O que move muitas pessoas hoje em dia a procurarem o serviço de Coaching é a busca pelo desenvolvimento, alcance de objetivos e o desejo de obter mudanças, na vida pessoal e/ou profissional. Mas, o que faz o Coaching ser uma ferramenta tão poderosa e eficaz hoje em dia?

Acredito que um dos aspectos que contribuem para o sucesso do Coaching, seja a parceria e a interação entre o Coach (quem conduz o processo) e Coachee (o indivíduo foco), durante o processo.

Amparado por um método objetivo e estruturado (com começo, meio e fim), o Coach busca facilitar a reflexão, trazer conscientização e a criação de ações práticas, com foco em fazer com que o Coachee encontre soluções, visualize perspectivas e extraia aprendizados, rumo aos seus objetivos traçados.

Isso ocorre por meio de reuniões periódicas entre o Coach e o Coachee, em um movimento de caminhar de onde está, para onde quer chegar. O Coach busca potencializar no Coachee o reconhecimento de sua identidade, forças, habilidades, valores e pontos a desenvolver.
Outro aspecto muito relevante com relação à efetividade do Coaching está relacionado à ciência da atenção. Em meio a tantas informações externas e sobre nós mesmos, o processo pode ser uma ótima oportunidade para focar naquilo que é importante e avançar na clareza e organização das ideias.

Gosto muito do trecho abaixo sobre a nossa atenção e o impacto da forma como a utilizamos.

“A densidade de atenção descreve o quanto de atenção prestamos ou o número de observações que fazemos durante um período específico. De forma mais simples, quanto mais focados estamos, quanto mais de perto observamos, maior é a densidade de atenção (…) Com densidade de atenção suficiente, os pensamentos e ações mentais do indivíduo tornam-se parte de quem somos, parte de como nosso cérebro funciona, e portanto, desempenham um importante papel na maneira como percebemos o mundo. Em outras palavras, o poder está no foco. Aquilo onde escolhemos colocar nossa atenção muda o nosso cérebro e muda a maneira como vemos e interagimos com o mundo” (artigo intitulado “Neurocoaching – Uma Abordagem de Coaching Baseada na Neurociência”, escrito pelo Coach David Rock, após uma entrevista com o neurocientista Jeffrey Schwartz). 

Para  conhecer como nós da R122 Coaching trabalhamos, entre em contato por email: pschuindt@r122coaching.com.br

Patrícia SchuindtPor que procurar um Coach?
Ler mais